Confira sete dicas para se reposicionar no mercado de trabalho

Experiência nada agradável, a perda do emprego pode desestabilizar o profissional. Entretanto, mesmo em períodos de crise o fato não deve ser motivo para desespero. É preciso manter a tranquilidade e focar em ações que possam garantir a recolocação.

Nestas situações, o melhor que o profissional tem a fazer ao receber a notícia do desligamento é controlar a ansiedade, que tende a dificultar o raciocínio e induzi-lo a decisões equivocadas.

“Em momentos de incertezas na economia e nos resultados das empresas, o surgimento de novas oportunidades fica comprometido, com isso, buscar uma recolocação no mercado de trabalho tende a ser mais dificultoso. Mas, isso não torna impossível uma boa recolocação para quem está empregado ou desempregado”, comenta Celso Bazzola, consultor em recursos humanos e diretor executivo da BAZZ Estratégia e Operação de RH.

Contudo, o profissional precisa tomar alguns cuidados e traçar um planejamento para, só assim, pôr em prática as ações que o levarão às novas oportunidades, mantendo sempre a racionalidade, como completa o consultor: “Para e repare como sempre a ansiedade e o desespero tendem a dificultar ainda mais o raciocínio e a apresentação das habilidades técnicas e comportamentais, por isso se controle”.

Veja abaixo 7 dicas do especialista para ter êxito na busca pelo novo emprego!

Amplie sua rede de relacionamentos: trabalhe seu network lembrando que esse não deve ser utilizado somente nas necessidades. Assim, esteja pronto também para ajudar e nunca deixar de ser lembrado.

Desenvolva seu marketing pessoal: defina a estratégia para que possa desenvolver sua apresentação pessoal de forma transparente, segura e que demonstre preparo.

Tenha um currículo impecável: crie interesse por parte do entrevistador por meio de um currículo bem elaborado, com ordem e clareza na apresentação, apresentando seus objetivos e potenciais.

Saiba como impressionar: cuidar da imagem pessoal é também muito importante. Assim, demonstrar autoestima e autoconfiança transmite uma boa impressão aos demais.

Mantenha-se atualizado: busque conhecimento e informações além de sua formação para se manter atualizado diante das mudanças de mercado.

Pesquise o mercado: conheça as empresas que tem interessem em buscar oportunidades, analisando seus produtos ou serviços, estrutura e colocação de mercado.

Seja você mesmo: tenha transparência e autenticidade, pontos que atraem bastante as empresas. E não tente construir um personagem: seja você mesmo e demonstre o valor das suas competências técnicas e comportamentais.- Fonte: iBahia