cursos gratuitos

Momentos finais!! Projeto oferece cursos gratuitos do Enem para jovens de Salvador

Estudantes de Salvador que estão prestes a realizar o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2018, mas não têm condições de pagar por um curso preparatório para a prova, contam agora com uma ajuda para os estudos. A prefeitura lançou nesta segunda-feira (23) o Projeto Ingressar, ligado à Secretaria Municipal de Políticas para Mulheres, Infância e Juventude (SPMJ).

Podem participar dos cursos jovens entre 15 e 29 anos, que residam na capital baiana. Esses alunos podem ser  egressos do 3º ano do Ensino Médio da rede pública ou bolsistas integrais em escolas particulares, concluintes da Educação de Jovens e Adultos (EJA) e integrantes de famílias cadastradas no programa Bolsa Família. É necessário também que os interessados estejam inscritos no Enem 2018 e apresentem, após a seleção, o comprovante de matrícula no Exame Nacional.

Instituições cadastradas

O prefeito de Salvador, ACM Neto, afirmou, durante a coletiva de imprensa, que as instituições onde as 400 vagas dos cursos preparatórios serão ofertadas devem estar distribuídas em diferentes pontos da cidade, para facilitar a logística dos estudantes. Os nomes dessas instituições serão divulgados posteriormente às inscrições. “Com isso, o jovem pode ter acesso ao cursinho sem ter que atravessar a cidade ponta a ponta”, explicou.

Neto ainda disse que, caso o Ingressar traga resultados positivos neste ano, o projeto será ampliado para 2019 e poderá se tornar uma política pública permanente. “Um bom desempenho no Enem pode significar um futuro diferente para o jovem. Pode significar a realização de um sonho de ter o curso superior”, comentou.

“Toda a sociedade sai ganhando quando a juventude tem mais oportunidades”, disse ainda Taissa Gama, ex- secretária da SPMJ, idealizadora do projeto, que deixou a pasta para concorrer a uma vaga na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA).

Inscrições

A inscrição presencial pode ser feita no Infocentro da Juventude, localizado na Avenida Sete de Setembro, 202, Edifício Adolpho Basbaum, 4º andar, próximo ao Mosteiro de São Bento. O prazo termina às 16h desta quinta-feira (26). No ato da matrícula presencial, o jovem deverá apresentar, obrigatoriamente, os documentos listados no edital publicado.

Faça parte de nossos grupos do Messenger / WathsApp / Facebook / Instagram / Telegram

Quem quiser pode também optar por realizar a inscrição via internet, no site do projeto. Neste caso, as matrículas podem ser feitas até às 23h59 desta quinta. As aulas começam no segundo semestre deste ano.

Conforme está previsto na lei, 5% das vagas serão destinadas às pessoas com deficiência e 30% reservadas para pessoas que se autodeclararem negras. O cadastro de reserva será composto por até duas vezes o número de vagas e o resultado provisório, contendo a relação dos alunos aprovados, será promulgado no DOM e amplamente divulgado através da mídia.

Saiba como participar:

Quem pode participar: Jovens de 15 a 29 anos, egressos do 3º ano do Ensino Médio da rede pública ou bolsistas integrais em escolas particulares, concluintes da Educação de Jovens e Adultos (EJA) e integrantes de famílias cadastradas no programa Bolsa Família.

Oferta de vagas: São 400 vagas, distribuídas em instituições de ensino que serão escolhidas posteriormente ao período de inscrição. Conforme está previsto na lei, 5% das vagas serão destinadas às pessoas com deficiência e 30% reservadas para pessoas que se autodeclararem negras.

Inscrição: A inscrição presencial ocorrerá no Infocentro da Juventude, localizado na Avenida Sete de Setembro, 202, Edifício Adolpho Basbaum, 4º andar, próximo ao Mosteiro de São Bento. O prazo para efetuar o cadastro termina às 16h do dia 26 desta quinta-feira (26). No ato da matrícula presencial, o jovem deverá apresentar, obrigatoriamente, os documentos listados no edital publicado.

Quem quiser pode também optar por realizar a inscrição via internet, no site do projeto. Neste caso, as matrículas podem ser feitas até as 23h59 de quinta-feira (26). As aulas começarão no segundo semestre deste ano. – Fonte: iBahia.com